::Letras&Baquetas::

Segue o ritmo e as letras

  • RSS Portugal Rebelde

  • RSS Música Online

    • Ocorreu um erro; é provável que o feed esteja indisponível. Tente novamente mais tarde.
  • RSS Portal da Literatura

    • Ocorreu um erro; é provável que o feed esteja indisponível. Tente novamente mais tarde.
  • RSS A Trompa

    • Vídeos #005 – “Que Azar” por S. Pedro
      S. Pedro é Pedro Pode, um dos músicos dos Doismileoito. S. Pedro é o novo artista da NorteSul. Diz que “tinha muitas ideias soltas no computador e no telemóvel que tinham de ser concretizadas“. Assim nasceu “O Fim”, um disco muito simples e pessoal. “Que Azar” é um dos temas desse novo disco. https://www.facebook.com/S.PEDRObanda/
    • Em Directo #002 – “(des)Encontros” por Fernando Marques Ensemble
      E hoje há fado de coimbra n'a trompa, pelo Fernando Marques Ensemble. A razão da conversa chama-se "(des)Encontros" e é o novo disco deste ensemble de Coimbra.
    • O Palco é Teu #002 – Soul Cave
      Formados em 2015 e vindos de Alcobaça, os Soul Cave estão hoje no palco d'a trompa.
  • RSS Chocolate para a Alma

    • A Magnífica Sophy – Georgette Heyer
        “Uma mulher formidável.” Rainha Isabel II   Após alguns anos a viver em Lisboa, Sophy Stanton-Lacy é enviada para Londres pelo seu extravagante pai, o diplomata Sir Horace. A recebê-la estão os tios, os lordes Ombersley. Entre a incredulidade e o horror, os aristocratas veem-na chegar acompanhada de um papagaio, um cavalo, um macaco, e um galgo chamado Tin […]
    • Georgette Heyer
      Georgette Heyer (1902-1974) começou a escrever a tempo inteiro em 1921, quando transformou em romance uma história que inventara para entreter um irmão convalescente. O sucesso foi de tal forma extraordinário que Georgette concluiu que a notoriedade não era necessária para assegurar a devoção dos leitores e decidiu não dar uma única entrevista na vida. Inspi […]
    • Três Semanas com o Meu Irmão – Nicholas Sparks
        Uma viagem à volta do mundo.   «A relação entre irmãos é um tema importante. Especialmente quando se trata de uma relação tão próxima como a que eu tenho com o meu.» Nicholas Sparks   Unidos pelo amor e a tragédia, Nicholas Sparks e o irmão, Micah, estão prestes a embarcar na aventura de uma vida. Após as mortes inesperadas dos pais e da irmã, eles são os […]
  • RSS Cinema Português

MUSE INSPIRADORES DE HISTÓRIAS DE VAMPIROS

Posted by stereis em Janeiro 3, 2009

imagesStep8db1526b1henie Meyer, escritora do livro Twilight (título em português: Crepúsculo), e das sequelas New Moon (Lua Nova), Eclipse (Eclipse) e Breaking Dawn (não disponível em português), incluiu nos agradecimentos de três dos quatro livros da saga, os Muse e várias outras bandas, como Linkin Park, Coldplay e The Fray, sinceramente agradecendo a inspiração dos músicos para a escrita dos seus best-sellers internacionais. Twilight é uma moderna de história de amor e acção, sobre o romance proibido entre uma humana e um vampiro, que rapidamente atingiu um elevado número de cópias vendidas para os quatro volumes publicados da saga.O primeiro livro da saga de quatro, Twilight (17 milhões de cópias vendidas), foi lançado em 2006, seguido pelas sequelas New Moon (2007), Eclipse (2007) e Breaking Dawn (2008). 

Leia abaixo excertos dos agradecimentos da autora em cada livro (em inglês, original).

New Moon

“And, finally, thank you to the talented musicians who inspire me, particularly the band Muse – there are emotions, scenes, and plot threads in this novel that were born from Muse songs and would not exist without their genius. Also Linkin Park, Travis, Elbow, Coldplay, Marjorie Far, My Chemical Romance, Brand New, The Strokes, Armor for Sleep, The Arcade Fire, and The Fray have all been instrumental in staving off the writer’s block.” 

Eclipse

“I am in your debt, rock gods of Muse, for yet another inspiring album. Thank you for continuing to create my favourite writing music. I am also grateful to all the other bands on my playlist who help me through the writer’s block, and to my new discoveries, Ok Go, Gomez, Placebo, Blue October, and Jack’s Mannequin.”

Breaking Dawn

“The many bands and musicians that keep me motivated; did I mention Muse already? I did? Too bad. Muse, Muse, Muse… New gratitude to:The best band-that-never-was: Nic and the Jens, featuring Shelly C. (Nicole Driggs, Jennifer Hancock, Jennifer Longmand, and Shelly Colvin). Thanks for taking me under your collective wing, guys. I would be a shut-in without you.”

– Na dedicatória de Breaking Down: “And thanks also to my favourite band, the very aptly named Muse, for providing a saga’s worth of inspiration.”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: