::Letras&Baquetas::

Segue o ritmo e as letras

  • RSS Portugal Rebelde

    • LOLA LOLA | "Voodoo Man"
      Depois de uma inflamada estreia com "Money in the Can" e de um bem recebido "Sweet Lovin’", segundo 7" mais afeiçoado ao “popcorn”, os Lola Lola regressam aos discos sob o signo do “Voodoo”, motivo clássico do imaginário do Rock n’ Roll, mas sempre apetecível e atual, provavelmente pela capacidade de enfeitiçar que partilham. Novamen […]
    • DRAGÃO INKOMODO | “Ano Novo Vida Nova”
      A tradição ainda é o que era. Pelo menos para Dragão Inkomodo, produtor já-não-tão-benjamim-assim que no virar de página para 2018 desvenda novo volume do EP “Ano Novo Vida Nova”. Marco habitual no pontapé de saída de cada ano desde 2016, esta coleção de cinco canções assinala ainda o regresso de Dragão às edições, depois de um ano em que se assumiu como des […]
    • MOONSPELL COMEÇAM AMANHÃ UMA DIGRESSÃO EUROPEIA COM MAIS DE 37 DATAS
      Depois dos concertos de lançamento do novo álbum em Portugal, os Moonspell apresentam "1755" em inúmeras salas europeias numa digressão conjunta com a reconhecida banda internacional Cradle of Filth. A digressão dos Moonspell com Cradle of Filth passa um pouco por toda a Europa, entre 18 de Janeiro e 5 de Março, e inclui mais de 37 espetáculos de E […]
  • RSS Música Online

    • Ocorreu um erro; é provável que o feed esteja indisponível. Tente novamente mais tarde.
  • RSS Portal da Literatura

    • Ocorreu um erro; é provável que o feed esteja indisponível. Tente novamente mais tarde.
  • RSS A Trompa

    • Trompalista 2017: Os 100 discos do ano
      Sem qualquer ordem de preferência, imperando apenas a ordem alfabética, e pelo segundo ano consecutivo, a trompa propõe 100, 100 discos de 2017 para ouvir com maior ou menor atenção. São 100 discos de 2017 e até podiam ser outros, todavia, estes são os meus 100. O link vem no fim, é só experimentar. 10 […]
    • Tomara em 6 sentidos
      “Favourite Ghost” é o título do surpreendente disco de estreia de Tomara, o novo projeto de Filipe Monteiro; em seis sentidos, ouve-se assim: O QUE SE VÊ NA MÚSICA DE TOMARA? Paisagens amplas que vão desde o frio dos países nórdicos, ao calor das nossas planícies alentejanas. QUE SABOR TEM A MÚSICA DE TOMARA? Talvez […]
    • Time For T numa curta sobre “hoping something anything”
      Foto de Luke Moran-Morris Numa frase apenas, quem são os Time for T? Somos uma banda multicultural que toca música com raízes desde a Inglaterra ao Brasil e desde o Mali aos Estados Unidos. Um adjetivo que caracterize a música de Time For T? Eclética. Porquê o título de “Hoping something anything” para o novo […]
  • RSS Chocolate para a Alma

    • Ocorreu um erro; é provável que o feed esteja indisponível. Tente novamente mais tarde.
  • RSS Cinema Português

O BAQUETA DA SEMANA – DAVID FONSECA

Posted by xuxanitax em Novembro 29, 2008

queima_2008_galeria_david_fonseca_16David Fonseca nasceu na cidade de Leiria em 1973. Filho de mãe professora e pai bancário, viveu na aldeia de Marrazes (Leiria), até ir para Lisboa. Estudou cinema, na Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa, e também na Escola Superior de Belas Artes de Lisboa de 1992 a 1994.
A sua carreira musical começou com os Silence 4, em conjunto com alguns amigos da sua terra natal. O álbum de estreia saiu em 1998 – “Silence Becomes It”, e para grande surpresa, o disco teve um enorme sucesso à escala nacional, vendendo quase 250.000 cópias. Dois anos depois, em 2000, foi lançado o segundo álbum, “Only Pain Is Real”, vendendo aproximadamente 100.000 cópias. Em 2002, a banda terminou.
Em 2003, David Fonseca lançou o seu primeiro álbum a solo, “Sing Me Something New” que foi disco de ouro. O primeiro single deste disco foi “Someone That Cannot Love” que foi tocado em simultâneo em 150 estações de rádio portuguesas, à meia-noite de 10 de Março desse mesmo ano.
Em 2004 colabora no projecto Humanos, juntamente com Manuela Azevedo dos Clã e Camané, onde cantaram temas inéditos de António Variações.
Dois anos após o primeiro álbum, em 2005, saiu o álbum “Our Hearts Will Beat As One”. Na primeira semana de vendas ganhou de imediato o estatuto de disco de ouro, e foi considerado melhor álbum Pop de 2005, mesmo antes de o ano acabar. Em Outubro de 2007 com o álbum “Dreams In Colour” voltou a dar cartas na música nacional. Para além do single “Superstars“, inclui também uma versão de “Rocket Man” de Elton John. Essa versão teve direito a um vídeoclip gravado num único take e passado de trás para a frente

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: